Ousadia é a marca registrada de Ricardo Althaus  

É verdade que o ramo imobiliário e da construção está no sangue de Ricardo Althaus. Mas nem tudo se explica pelo DNA.  

Althaus, diretor da Omega Construtora, tem características muito particulares, que o tornam o empresário arrojado, que investe e aposta nos metros quadrados mais valorizados de Lajeado para erguer seus empreendimentos. A sua mais nova entrega – ou ousadia – se encaminha para os acabamentos finais. É o Palazzo, prédio em uma das esquinas mais elegantes da cidade, que galga o conceito de luxo e requinte para um novo patamar.

Chegar neste nível requer predicados que ficam muito evidentes em Althaus. Ele tem a coragem necessária para ousar, que encontra o equilíbrio na sua convicção. “Eu só faço o que eu acredito”, sentencia categórico. Só fazer o que acredita, passa por um apuro criterioso de qualidade. “Faço cada obra como se fosse para mim”, acrescenta.

Mas, antes de executar, a percepção de negócio do empresário já se manifesta. Sempre atento ao mercado, ele acredita que tudo começa pela escolha da área certa para o empreendimento certo. “Isso é uma coisa minha. Eu tenho este feeling de olhar para uma área ou um projeto e sentir: isso aqui vai dar certo”.

Esse “olhar treinado”, Althaus credita ao pai, Pedrinho, que fez história no ramo imobiliário de Lajeado, fazendo a incorporação de mais de cem loteamentos e de mais de 20 mil escrituras de imóveis. Foi o pai que também o levou para o ramo muito cedo. “Eu coloquei o pé na construção com 10 anos. Comecei a ajudar a fazer concreto para a laje de um prédio. E aí veio o gosto pela área. Trabalhei como servente, como office boy e depois passei a ser corretor”.

Todas estas etapas, deram o know-how necessário para o voo solo. Há 14 anos, Althaus deu o start para o seu próprio negócio: a Omega. A empresa começou fazendo sobrados, depois prédios de quatro, nove e 16 andares, até chegar a empreendimentos classe A – como o Allure Beach Condo, um condomínio de terrenos em Xangri-Lá -, ou o Palazzo, prédio que marca um novo momento para a empresa e para a cena urbana de Lajeado.

E, se há muita perspicácia envolvida, existe também o carisma pessoal de Althaus. Ele circula com a mesma desenvoltura numa obra, conversando com os pedreiros (ele se orgulha de ter funcionários com ele desde o início da construtora), assim como entre os seus clientes e potenciais compradores. De ambos os públicos, ele conquistou aquilo que de mais valioso um empresário pode ter: a confiança e credibilidade.

Existe forma sem conteúdo?

Forma e Conteúdo são as duas faces do mesmo fenômeno. O sociólogo e filósofo Roland Barthes, quando perguntado sobre o tema, costuma responder: “ forma é a configuração visível do conteúdo”. O que seria uma bela fachada, recortada, arrojada, se não fosse a inteligência de seu interior, de seu projeto? Nada além de uma bela caixa de morar. Ricardo Althaus tomou para si o papel de rever a estética, a forma e a função de seus edifícios, traduzindo-os para um novo movimento na cidade onde edifica, com excelente qualidade de vida no RS.

Fazendo a comparação entre o corpo humano e um edifício, a estética e a forma seriam a pele e a beleza desse ser, enquanto a função seriam músculos, tendões, nervos, ossos, órgãos que não vemos, mas sabemos que estão lá e precisam funcionar bem. É a mesma inteligência do funcionamento do organismo de alguém saudável que se espera encontrar em um prédio.  No projeto do Palazzo, por exemplo, ela começou na escolha do terreno, avançou nas parcerias muito bem alinhavadas e terminará somente na entrega das chaves. “O consumidor inteligente busca um novo estilo de morar, também no interior de seu apartamento. Ele quer uma planta flexível, ambientes únicos, ensolarados, vista privilegiada, acabamento de qualidade. Na arquitetura, não existe mais espaço para a forma sem conteúdo”, afirma Ricardo.

Palazzo: para marcar a história da Omega  

 

Ocorre muito no campo das artes: artistas ficam reconhecidos por seus clássicos, por suas obras definitivas. Em 2023, prestes a completar 15 anos de presença no mercado da construção, o Palazzo está para a Omega como o seu empreendimento definitivo.

A afirmação não é exagero porque Palazzo é o luxo e o requinte elevado às alturas. Na esquina entre a Pedro Albino Müller e a Quintino Bocaiúva, no Bairro Americano, em frente à Praça do Papai Noel, é o maior e mais sofisticado empreendimento da região se propõe a ser uma moradia definitiva, um investimento para gerações. Atributos não faltam ao prédio que tem apartamentos com até 448 m², quatro suítes e quatro vagas na garagem.

Outros diferenciais passam por apartamentos duplex com pé direito duplo de 6 metros. E o que não dizer da piscina com borda infinita em todos os apartamentos?

“Eu sempre entendi que aquele terreno era muito bom, um dos melhores da cidade. Então, ele precisava de um projeto diferenciado. Minha ideia foi fazer uma casa suspensa no ar, ou seja, a pessoa estará num apartamento, mas a sensação será de estar numa casa”, assegura, destacando ainda outras exclusividades do prédio, como mezanino, calefação, aspirador de pó nas paredes e guarita blindada para segurança.

O feeling de Althaus, neste projeto, teve como aliado o talento de Jorge Comarú no planejamento, projeto e design. “É um projeto pensado para usufruir a melhor localização da cidade, oferecendo conforto e segurança de uma residência de alto padrão. Sem dúvida, é um empreendimento inovador, sofisticado e exclusivo, só encontrando similares nos grandes centros do país”, endossa Comarú

Tudo isso faz do Palazzo um prédio com arquitetura assinada. Tendência nas grandes capitais, que a Omega inaugura em Lajeado.


Para ver e sentir  

A entrega do Palazzo está prevista para a metade de 2023. Mas, antes disso, dois apartamentos – um plano e um duplex -, serão apresentados aos clientes.

Ana Paula Fauri Benoit foi a designer de interiores convidada por Ricardo Althaus para fazer o decor dos dois apartamentos. “Acho que o estilo dela tem a mesma sintonia do empreendimento”, pontua Ricardo.


 

ANA PAULA FAURI BENOIT : Sofisticação define o decor”  

 

Se o Palazzo se propõe a ser um prédio com casas suspensas, os apartamentos precisavam seguir essa mesma proposta no seu decor. Ana Paula Fauri Benoit foi a designer de interiores convidada a tornar esta concepção real e, mais do que isso, surpreendente. Ela conta que um dos principais desafios foi criar ambientes com personalidade, mesmo sem conhecer o futuro morador. Além disso, concretizar espaços sofisticados e aconchegantes com ares de uma casa suspensa.

Encontrar esse equilíbrio passou por usar materiais como madeira natural, couro, tecidos de fibra natural e pedras e mármores. Dando o toque final, o decor também traz peças de alguns dos mais influentes designers brasileiros, como Jader Almeida e Zanine Caldas, entre outras peças escolhidas minuciosamente.

 

“Os apartamentos contarão, ainda, com vegetação natural e iluminação agradável, valorizando os ambientes. Para somar o aconchego e bem-estar, serão utilizadas cortinas e tapetes naturais, escolhidos pessoalmente para cada ambiente”, revela Ana, que endossa que o Palazzo traz um novo conceito de sofisticação, afinal, ele é a elegância que faltava, para uma necessidade que sempre existiu.

Qualidade em cada detalhe

Além da estética perfeita, o Palazzo foi concebido para ser um residencial que realmente se preocupa com a qualidade de vida dos seus moradores. E a Andrea Feine Cortinas e Persianas auxilia a concretizar essa proposta com louvor. Todos os dormitórios do Palazzo receberão cortinas blackout, que irão fazer o fechamento completo dos quartos, proporcionando uma qualidade de sono aos moradores. “Houve esta preocupação para que todo o prédio tivesse cortinas iguais. Isso é alto padrão: é estar preocupado em gerar uma experiência de vida incrível para o morador e também cuidar para que o empreendimento mantenha uma uniformidade, fazendo com que ele seja sempre um residencial com aspecto bonito e valorizado”, destaca Andrea Feine, CEO da empresa. O dois apartamentos decorados também têm cortinas de Andrea Feine. Eles recebem não só uma tela solar como de costume, mas uma tela solar Kookblack com nanotecnologia, o produto mais tecnológico da líder mundial Huter Doublas. “O Palazzo é um case para Lajeado da forma como estão escolhendo os materiais. A Omega Construtora, fornecedores, profissionais que trabalham nele e principalmente a designer de interiores responsável pelo proejto estão preocupados com a real qualidade. É um orgulho termos em Lajeado um empreendimento feito com tanto cuidado aos detalhes”, reforça Andrea.

ANDRÉ DAMIANI INTEGRA FLORENSE LAJEADO NO PALAZZO

Um artesanato feito a muitas mãos  

Um projeto espetacular por fora, precisa manter a sua mesma harmonia nos interiores. Por isso, não por acaso, a Florense foi a empresa convidada para fazer a movelaria dos dois apartamentos decorados do Palazzo.

Há 70 anos no mercado, a Florense tem expertise em móveis de alto padrão e trabalha com um público exigente, que se correlaciona com o público do Palazzo. Apesar disso, concretizar o projeto foi desafiador.

“O Palazzo tem um nível de detalhamento técnico muito acima da média. Tem características de um prédio de altíssimo padrão, onde a questão técnica é muito importante”, afirma o André Damiani, que conduz a marca Florense em Lajeado.

No Palazzo, os detalhes também farão toda a diferença. E, mais do que isso, precisam funcionar perfeitamente. Para Damiani, há uma compreensão que não está apenas se entregando um produto, mas está se atendendo o desejo de alguém. E desejo é uma coisa que vai muito além da necessidade.

“Movelaria é um artesanato feito a muitas mãos. É por isso que a Florense assina, junto com a Omega, este projeto surpreendente que é o Palazzo.”

 

“Um novo momento da construção”

Todas as esquadrias de PVC do Palazzo levam a marca de qualidade da PVC Baiana, de Teutônia. O refinamento da obra, com apartamentos duplex, exigiu esquadrias maiores do que o padrão habitual dos prédios convencionais. Trabalhamos muito com residências de alto padrão. Nossa expertise permitiu que atendessemos de forma tranquila a obra do Palazzo, que realmente é um empreendimento exclusivo e ousado, atesta Éverton Luis Luersen, diretor da PVC Baiana, destacando que o Palazzo é um projeto que inaugura um novo momento na construção para Lajeado e região.

 

Conteúdo publicado na edição 56 da Revista Gente que Faz

Dentre os fornecedores alinhados ao Conceito Palazzo: Andrea Feine|Construrohr|Florense|Gesso Classe A|Invictos Ar Condicionado|Milton Tintas|PVC Baiana Esquadrias|Seleto Mármores|Stábil Argamassa



Tags relacionadas

Comente



Compartilhe!







POSTS RECENTES

Image

Um cenário de sonhos para um casamento inesquecível em Barcelona

Com 105  anos de tradição, esta histórica propriedade propõe conforto, privacidade e serviços personalizados para  esses momentos especiais em um endereço que inspira paixão e celebração, em uma das cidades mais românticas da Europa A capital da Catalunha, na Espanha, é um dos destinos mais românticos da Europa. Nesse  cenário, o Majestic Hotel & Spa Barcelona acolhe […]

LEIA MAIS
Image

Em Porto Alegre, encontro com os hoteis mais incríveis do mundo

Com encontros B2B no Brasil e na Argentina, o evento reuniu em mais um ano agentes de viagens, hotéis Leading e imprensa especializada A The Leading Hotels of the World realizou novamente este ano seu South America Showcase Series, neste ano com a presença de mais de 30 hotéis de luxo de 10 países. Gerentes e diretores divulgaram […]

LEIA MAIS
Image

Cerejeiras em Flor, no Japão. Quando ir?

Visitar o Japão durante a época de florescimento das cerejeiras, conhecida como “Sakura”, é uma experiência que captura não apenas a beleza estonteante da natureza, mas também a essência profunda da cultura japonesa. A melhor época para testemunhar este espetáculo varia de acordo com a região, mas geralmente ocorre entre o final de março e […]

LEIA MAIS