O cotidiano em cliques inspiradores

 

Com um olhar afiado, doses de sensibilidade e muito bom humor, o fotógrafo Pedro Henrique Heinrich registra o cotidiano em suas fotos cheias de inspiração

Por mais clichê que possa ser, afirmar que a fotografia eterniza o momento em uma imagem é real. Pedro Antônio Heinrich materializa isso perfeitamente em seu trabalho. Filho de um gaúcho com uma manauara, sempre teve como propósito realizar algo importante e que deixasse um pouco da sua visão de mundo. A paixão por arte o fez pensar em seguir pelo caminho dos desenhos e pinturas, porém, o imediatismo o barrou. Mas uma dica vinda de sua mãe fez encontrar sua vocação:  a fotografia.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cada clique traduz o que sente no momento da foto.  Segundo ele, é uma mistura de amor com determinação que fazem a diferença. “O fotógrafo quando não gosta do que faz pode aplicar corretamente todas as técnicas, porém não fazer fotos boas.”

Prova disso é que em três anos de carreira já coleciona 27 exposições com suas fotografias, fotos publicadas em revistas de vários lugares como Estados Unidos, Alemanha e Suécia, o 1º lugar nos concursos de fotografia da Câmara Municipal de Porto Alegre e no de Paisagens Gaúchas da escola Câmera Viajante, menção honrosa da Magnum Photos em Tiradentes/ Minas Gerais e na Escola de Fotografia Artística, participação nos livros Antologia Fotografica e Fiestas Populares no Uruguai.

Uma de suas paixões é a fotografia de rua, porém com uma visão que afirma deslocar os ambientes. “Tenho muitas fotos de Porto Alegre que as pessoas acham quem são em outros lugares, países, tamanho é essa fragmentação que eu faço do cenário.” Ataca também na fotografia de moda, com uma visão sensível em cada clique, além de fineart e fotojornalismo.

Pedro é apaixonado pelo cotidiano, por acontecimentos banais, elementos que muitos definiriam como ordinários. Encontra isso na fotografia de rua, com o inesperado e a falta de controle do que acontece no momento do registro, permitindo que as coisas fluam em seu caminho. “A minha felicidade é conseguir registrar esses breves momentos.”

E sobre seus próximos passos, já adianta: “Em setembro lançarei um livro de fotografias pela editora Armazém Digital e uma grande exposição em uma loja de móveis e decoração.” Aguardaremos.

Por Douglas Petry

Publicado na edição 35 da revista Gente que Faz



Tags relacionadas

Comente



Compartilhe!







POSTS RECENTES

Image

Casa Tendenza Galleria é o novo espaço de arte de Porto Alegre

Casa Tendenza Galleria será uma galeria 100% contemporânea na Capital, convidando o público a experimentar uma nova forma de arte  Reduto do comércio de decoração e interiores na capital gaúcha, a partir de hoje a rua Quintino Bocaiúva, no bairro Moinhos de Vento ganha um ponto a mais de interesse. A Casa Tendenza Galleria chega […]

LEIA MAIS
Image

Fernanda Rosa Flores Boutique e Tok de Arte lançam “Natal do Bem”

Entrando no clima de final do ano e dando continuidade à ação iniciada na Páscoa, a Fernanda Rosa Flores Boutique e a Tok de Arte estão se reunindo novamente para o “Natal do Bem”. A ação tem o propósito de ajudar floristas autônomos e auxiliares do setor freelancers, afetados diretamente pelo adiamento e cancelamento de […]

LEIA MAIS
Image

Caipirinha sofisticada

Glauber Britto, do canal Champagne com Dendê, transforma o drink popular e ensina três receitas refrescantes “Existem várias formas de tornar esse drink mais elaborado sem perder a real essência da caipirinha”, diz o youtuber, que mistura gin, espumante e até café nas receitas. Se tem uma coisa que o youtuber Glauber Britto domina é: […]

LEIA MAIS