Magnifique! Os cabarés de Paris.

A face mais sexy de Paris? Os cabarés! E não há como não voltar no tempo, lembrar dos filmes com as dançarinas de can can e suas plumas e saias multicores. Venha com a gente...  

Paradis Latin

Quer voltar no tempo para uma época de elegância e glamour? Aqui é o lugar, muito frequentado pelos franceses e ainda pouco conhecido dos brasileiros. O Paradis Latin é cheio de história, seus alicerces são os mesmos da muralha de proteção erguida por Philippe Auguste no fim do século 12 ao redor da cidade  e foi aqui que Napoleão Bonaparte construiu o primeiro teatro, chamado de Théâtre Latin.

Depois de ter sido demolido durante a guerra, foi reconstruído por Gustave Eiffel, nascendo o Paradis Latin em 20 de janeiro de 1889. Sua glória durou 30 anos até uma falência e o prédio virar depósito.

Nos anos 70, foi vendido a Jean Kriegel que, ao iniciar a demolição, descobriu uma maravihosa cúpula no mezanino. Foi o prédio, então, tombado, e Kriegel associou-se a Jean-Marie Rivière para abrir o Paradis Latin que conhecemos hoje. Luiz de Luca Moreira, um brasileiro extremamente acolhedor, gerencia a casa que apresenta um verdadeiro espetáculo de cabaré à francesa, e Robertinho, outro brasileiro de muita personalidade, interage com plateia, artistas e apresentadores.

Localizado no coração de Paris, no Quartin Latin, o bairro latino que vibra com a vida intelectual, a arquitetura esplendorosa e o divertimento constante, fica muito perto da Notre-Dame e do Panthéon. Seu espetáculo é íntimo e acolhedor e seus shows fazem parte da tradição francesa, de vaudeville e do cancan. Os figurinos são muito bem elaborados e há inclusive shows de acrobacia, de tirar o fôlego.

Há possibilidade de opção entre a experiência completa, com jantar e espetáculo, ou apenas o espetáculo, que é menos “hollywoodiano”, mais puro e mais acessível em custo.

http://www.paradislatin.com

 

Lido

Localizado no 8º arrondissement,  a algumas quadras do Arco do Triunfo e em plena Champs Elysees, com muita gente indo e vindo, o Lido é o cabaret com pitadas de Vegas!

A decoração é luxuosa, o show é refinado, o palco vira escada, depois se abre. O teatro – onde artistas reconhecidos como Edith Piaf, Marlene Dietrich, Shirley Maclaine e Elton John já se apresentaram, é grande e confortável.

Há várias opções de ingressos, jantar espetáculo, às 19h, champagne espetáculo às 22h e 23h, e almoço espetáculo às 13h. Para o jantar, o menu  é elaborado pelo chef Philippe Lacroix, membro da Academia Culinária de França, que está no Lido desde 1980.

Antes do espetáculo, há a possibilidade de dançar junto ao palco com a orquestra do Lido, que com música antecede ao espetáculo que mixa danças can-can com cirque du soleil.

http://www.lido.fr

 

Publicado na edição 36 da revista Gente que Faz

Fotos divulgação



Tags relacionadas

Comente



Compartilhe!







POSTS RECENTES

Image

Alta performance na moda fitness

A tecnologia e a inovação nos transportam de uma moda visual para uma moda sensorial Os dois últimos anos de pandemia provocaram mudanças de comportamento e no modo como a atividade física se faz presente na nossa rotina. Descobrimos novas maneiras para se exercitar — os treinos on-line vieram para ficar — as academias e […]

LEIA MAIS
Image

EDUARDO CARNEIRO e suas imagens poderosas

Eduardo Carneiro é, sobretudo, um aventureiro pertencente ao mundo. O fascínio por fotografar pessoas permite que sua visão transite pela publicidade, pela moda e pela arte. Seu estúdio conta com um time perito em construção de realidades, celebrando uma história sólida e ascendente de 25 anos no mercado. Seus trabalhos incluem editoriais de moda e […]

LEIA MAIS
Image

Erasmo Battistella, o gaúcho que é líder na produção do biodiesel

Com planos ambiciosos e uma pauta voltada à sustentabilidade, empresário galga espaço no cenário internacional e aumenta o debate acerca das energias renováveis A pandemia de coronavírus, iniciada há dois anos, e os recentes conflitos entre Rússia e Ucrânia criaram uma necessidade ainda mais imediata no debate acerca de energias renováveis. Medidas globais, como Acordo […]

LEIA MAIS