Daniel Both, transformando festas em superproduções

No Brasil, o segmento de festas e cerimônias tem muito a comemorar. Literalmente. Segundo dados da Associação Brasileira de Eventos, esse mercado movimentou mais de R$ 17 bilhões no ano passado e projeta um crescimento de 14% em 2019. Um dos empreendedores que vem surfando esta onda é o gaúcho Daniel Both, proprietário da Completa – Locações e Cenários 

Foi ajudando o pai, dono de um buffet no município de Arroio do Meio (RS), que há dez anos Daniel Both identificou um nicho com grande potencial a ser explorado nos vales do Taquari e do Rio Pardo: o aluguel de materiais para eventos sociais. “Naquela época, o mercado de casamentos começou a crescer muito na região. Quando havia necessidade de algo diferente na decoração, as pessoas buscavam fora. Foi aí que percebi a oportunidade de empreender. No início eu visitava os organizadores de eventos para oferecer os produtos. E, no segundo ano, abri um showroom em Lajeado”, detalha Both.

Com 39 anos, formado em Comércio Exterior e pós-graduado em Gestão Empresarial, hoje é uma referência estadual quando o assunto é transformar festas em superproduções – pela composição de ambientes e cenografia. Em marcenaria própria, produz mobiliário exclusivo para eventos que podem ser totalmente personalizados. Trabalha em parceria com arquitetos que são contratados para desenvolver projetos específicos, desenhando peças alinhadas à identidade visual de cada evento. Entre móveis, artigos de decoração, baixelas, louças e complementos, dispõe de mais de 2,5 mil itens para diferentes estilos.

Nas semanas de maior movimento, Both chega a atender 80 eventos de portes variados: desde clientes que locam apenas uma toalha de mesa ou um jogo de taças de cristal, até aqueles que levam seis caminhões carregados de materiais. O empresário conta com uma equipe de 45 funcionários e com o suporte da noiva, Deize Scotton, que atua na gestão comercial da Completa.

“Trabalhamos muito, investimos na personalização de produtos e qualificação do atendimento. Mas não imaginei que fôssemos crescer tanto e tão rápido, e que o negócio iria se tornar uma referência no Estado”, surpreende-se Both, com a satisfação de quem, realmente, tem motivos para comemorar.

Por Josiane Rotta

Publicado na revista Gente que Faz



Tags relacionadas

Comente



Compartilhe!







POSTS RECENTES

Image

O ‘tompêro’ do Jacquin

Ele é o mais renomado chef francês em atividade no Brasil, é reconhecido como uma das personalidades mais importantes do país. Ah, sim, nossa imersão na Terra da Garoa incluiu dois opostos do inquieto jurado do MasterChef, Erick Jacquin: o Président, de alta gastronomia, e o Buteco do Jacquin, recentemente inaugurado Naquela noite ele não […]

LEIA MAIS
Image

Quatro destinos na Floresta

  Hoje, 21 de março, se celebra o Dia Mundial da Floresta, instituído em 2012 pela Assembleia Geral das Nações Unidas com o objetivo de conscientizar a população sobre a importância deste ecossistema na conservação do Planeta e de suas espécies Segundo o ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade), o Brasil resguarda a segunda maior área […]

LEIA MAIS
Image

A Ásia, por Kazuo Harada

Kazuo Harada retornou a sua cidade natal, São Paulo, e já há um séquito de fãs e fiéis que o agradecem na terra que dos negócios à boa mesa é de uma multiplicidade cultural incrível Histórias traçadas com afeto de família, como o avô que também teve um restaurante oriental na capital paulista, talvez estejam […]

LEIA MAIS