Dia Nacional do Fusca

No próximo dia 20 é comemorado o dia nacional do Fusca. Um dos veículos que mais possui fãs apaixonados, o Fusca é conhecido no mundo inteiro e carrega uma história repleta de curiosidades. Para comemorar essa data tão especial, sugerimos três livros que podem ser dados de presentes para os amantes do carro ou para aqueles que gostam de curiosidades sobre veículos.

 

Clássicos do Brasil – Fusca –
Autor: Paulo Cesar Sandler

 

Com origens controversas e ainda muito discutidas, o Fusca conquistou milhões de fãs pelo mundo. No Brasil não foi diferente: carro mais popular da indústria automobilística, durante décadas foi quase um membro da família brasileira. O Fusca começou a ser fabricado no país em 1959 e, embora a produção tenha sido interrompida definitivamente em 1996, ele ainda é um dos automóveis mais usados e vendidos no mercado nacional. Neste livro, o leitor conhecerá toda a história do carro – das origens na Alemanha de Hitler até sua chegada e desenvolvimento no Brasil – com a ajuda de centenas de fotos de época.

 

 

Clássicos do Brasil – Fusca –
Autor: Paulo Cesar Sandler

 

Com origens controversas e ainda muito discutidas, o Fusca conquistou milhões de fãs pelo mundo. No Brasil não foi diferente: carro mais popular da indústria automobilística, durante décadas foi quase um membro da família brasileira. O Fusca começou a ser fabricado no país em 1959 e, embora a produção tenha sido interrompida definitivamente em 1996, ele ainda é um dos automóveis mais usados e vendidos no mercado nacional. Neste livro, o leitor conhecerá toda a história do carro – das origens na Alemanha de Hitler até sua chegada e desenvolvimento no Brasil – com a ajuda de centenas de fotos de época.

 

 

A verdadeira história do fusca – Autor: Paul Schilperood

 

Controversa, complexa e obscura, a história do Fusca está diretamente ligada à recessão que castigava a Alemanha na década de 1930 e à ascensão do nazismo. Apaixonado por automóveis, Hitler via na ideia de criar um carro popular – produzido por operários alemães em uma fábrica alemã – a oportunidade de concretizar seu projeto político. “Oficialmente”, o automóvel do povo foi projetado por Ferdinand Porsche, mas essa paternidade é contestada pelo pesquisador e jornalista holandês Paul Schilperoord, que afirma que o carro mais popular do mundo foi na verdade desenvolvido por um engenheiro judeu chamado Josef Ganz. Em, A verdadeira história do Fusca, Schilperoord apresenta pela primeira vez uma série de documentos e esboços que comprovariam que Hitler se apropriou da invenção de Ganz. “Essa é a história de um crime que nem mesmo Hitchcock conseguiria inventar”, disse Josef Ganz em seu leito

 

 

 



Tags relacionadas

Comente



Compartilhe!







POSTS RECENTES

Image

A elegância e o discreto charme da Faro9

Fahionistas tem sido só elogios à Faro9, grife inspirada no lifestyle de José Ignacio, balneário uruguaio que tem se revelado a Côte d’Azur da nossa América do Sul. Julia Tellechea Nahas e Maria Fernanda Brandi são as idealizadoras das peças 100% linho, elegantes e práticas             O  surgimento da Faro9 […]

LEIA MAIS
Image

Uau, o Royal Mansour Marrakech compartilha sua receita de detox capilar

  Chiquérrimo!  O Royal Mansour Spa,   spa do Royal Mansour Marrakech,  simplesmente o hotel mais exclusivo da África, compartilha  sua  receita de detox capilar caseiro Detox day! Com apenas três ingredientes, fáceis de encontrar em qualquer supermercado, que ajudarão a que ajudarão seu cabelo a ficar mais forte, brilhante e sedoso, você faz o detox […]

LEIA MAIS
Image

Uma mulher de fibra no mundo do aço

Quando nossa equipe chega em Imigrante, no interior do Rio Grande do Sul, para a entrevista com dona Elka Hassmann, ela vai logo largando uma das suas. “Vieram para a entrevista? É aquele tipo de coisa que num dia eu digo sim e, no outro, penso: por que não disse não? Não sei como me […]

LEIA MAIS